Carregando, aguarde...
Marcos Vinícius Pinta Gama
Marcos Vinícius Pinta Gama ingressou no Instituto Rio Branco em 1978 e em sua carreira atuou em diversas delegações e missões brasileiras no exterior, como: na missão junto à CEE em Bruxelas, na delegação permanente em Genebra e nas embaixadas em Belgrado, Santiago e Washington.

No Ministério das Relações Exteriores, atuou nas divisões da Associação Latino-Americana de Livre Comércio, de Organismos Internacionais Especializados, de Ciência e Tecnologia, de Direitos Humanos, no Departamento de Cooperação Científica e na Secretaria-Geral. No Ministério da Justiça, atuou na Secretaria de Estado dos Direitos Humanos, na Comissão Especial de Combate à Tortura, no Comitê Interministerial de Combate à Pirataria e no Gabinete de Gestão Integrada da Estratégia Nacional de Combate à Lavagem de Dinheiro.

No Gabinete de Segurança Institucional da Presidência da República, foi membro do Conselho Consultivo do Sistema Brasileiro de Inteligência e do Conselho Nacional Antidrogas. Atuou, também, no Ministério da Fazenda e no Ministério da Defesa.

No Brasil, foi condecorado com a Ordem do Mérito da Defesa, a Ordem de Rio Branco, a Medalha do Pacificador, a Medalha da Vitória, a Ordem do Mérito Militar, a Ordem do Mérito Naval, a Medalha Mérito Santos Dumont, a Ordem do Mérito Aeronáutico e a Medalha do Mérito Marechal Cordeiro de Farias. Recebeu da França a Ordem Nacional do Mérito e a Legião de Honra.